Publicidade

 Alimentos em Geral por estado

 Alimentos em Geral por cidade

Alimentos em Geral

Você está vendo Alimentos em Geral em Ibitiúra de Minas

Veja Também:
Notícias Agrícolas

Foram encontrados 0 anúncios de Alimentos em Geral na cidade de Ibitiúra de Minas em Minas Gerais.

Clique no menu ao lado para consultar Alimentos em Geral em outra região.
Minas Gerais
X
Ibitiúra de Minas
X
Anterior
Página 1 de 0
Proxima

Relação de preços de anúncios de vendedores de Alimentos em Geral em Ibitiúra de Minas/MG

Detalhes sobre a cidade de Ibitiúra de Minas

Uma das poucas cidades com o começo tão bem registrado, há documentos de até 100 anos antes da povoação do município. É uma pequena e pacata cidade que repousa entre as montanhas do Sul de Minas Gerais. No princípio, era Planalto da Pedra Branca onde os caiapós ocuparam até meados do século XVIII. As matas que rodeavam o Jaguari-Mirim, rio que nasce na cidade e deságua no Rio Moji-Guaçu, eram proibidas e o território do município não podia ser povoado para que fosse dificultado o contrabando de ouro nesta região. Todo o vale do Jaguari-Mirim, abrangia as cidades de Ibitiúra de Minas, passando por Andradas até chegar a São João da Boa Vista/SP, um território quase impossível de se transpor.

O Minicípio foi criado a trinta de dezembro de mil novecentos e sessenta e dois (1962) , pela Lei número dois mil setecentos e quatro, tendo seu território desmembrado do município de Caldas e sua instalação solene a primeiro de março de mil novecentos e sessenta e três (1 de Março de 1963).

Fundadores

O primeiro a povoar o Planalto foi, em 1759, Veríssimo João de Carvalho, o fundador, da cidade de Cabo Verde, se assentou na região de Santa Rita de Caldas. Em 1776 Antônio Gomes da Freitas, fundador de Caldas, começou a avançar em direção ao Jaguari-Mirim. Em 1785 o português, de Braga, Alferes Manuel Antônio Marques veio da Conceição do Rio Verde, se apossou de terras na Serra da Bocaina. Estes personagens são os primeiros desbravadores do futuro arraial de São Benedito. Em 1789 o Alferes Manuel Marques, obteve licença para violar a área proibida da região do Jaguari-Mirim. Então dobrou a serra e se estendeu montanha abaixo até o Jaguari. Para desbravar as terras ele enviou um filho, escravos e José Antônio Corrêa. O Alferes com a família e empregados foram os primeiros a se instalarem na região de Ibitiura de Minas. Em 1801 o Alferes faleceu, durante um viagem ao Rio de Janeiro, e as terras continuaram sendo desbravadas por seus filhos, genros e agregados.

Pertencia, inicialmente, à Freguesia de São Francisco de Paulo do Ouro Fino. Já 1813 passaria a fazer parte da Freguesia de Nossa Senhora do Patrocínio do Rio Verde de Caldas, onde iria permanecer por mais de um século, até a emancipação que ocorreu 1962.

Igreja Matriz em Construção

Em 1923, chegou a distrito dos mais progressistas da comarca de Caldas, com a denominação de Ibitiúra, que substituiu o antigo nome de São Benedito. O município foi criado em 1962, desmembrando-se de Caldas e passando a chamar-se Ibitiúra de Minas.

Mais detalhes sobre Ibitiúra de Minas

Consulte abaixo as categorias de produtos agrícolas divididas por estado