Publicidade

 Alimentos em Geral por estado


Alimentos em Geral

Você está vendo Alimentos em Geral em Maria da Fé

Veja Também:
Notícias Agrícolas

Foram encontrados 5 anúncios de Alimentos em Geral na cidade de Maria da Fé em Minas Gerais.

Clique no menu ao lado para consultar Alimentos em Geral em outra região.
Minas Gerais
X
Maria da Fé
X

Batata Palha

Batata Palha

Batata palha imperialEstamos Itajubá x Maria da féVendemos a granel e empacotada - Embalagem de 500 gr

Preço: R$ 3,95

Maria da Fé/MG

Batata palha

Batata palha

Batata palha entre em contato.

Preço: R$ 3,95

Maria da Fé/MG

Batata palha granel e empacotada Maria da fe

Batata palha granel e empacotada Maria da fe

Batata palha a granel e empacotadaO kg sai a R$ 9,90 Chama no zap Trinta e cinco,nove,nove um,sete oito,meia sete,quatro sete.aguardo contato.

Preço: R$ 9,90

Maria da Fé/MG

Batata palha Maria da fé a granel e empacotada

Batata palha Maria da fé a granel e empacotada

Batata palha a granel e empacotada.Por enquanto trabalhamos com pacotes de 500gr.O kg está 9,90 chamem no zapDDD trinta e cinco,nove,nove um ,sete oito,seis sete,quatro sete.

Preço: R$ 9,90

Maria da Fé/MG

Mussarela Artesanal

Mussarela Artesanal

Mussarela de excelente qualidade, direto da roça! Totalmente ?artesal, sem química! Perfeita pra pizzas, salgados, lanches, etc!Peças de 3,5 kg de média.. Parmesão artesanal à R$28...

Preço: R$ 20,00

Maria da Fé/MG
Anterior
Página 1 de 0
Proxima

Relação de preços de anúncios de vendedores de Alimentos em Geral em Maria da Fé/MG

Detalhes sobre a cidade de Maria da Fé

"Procurar o vale do Sapucaí, alto do vale, o alto dos Campos do Jordão, depois da Serra da Mantiqueira, passando por Campos e planaltos cobertos de araucárias." Teria sido este, em largos traços, o itinerário estabelecido pela bandeira de Antônio Kivet, ainda em 1579. Tal itinerário coincide inteiramente com a região onde está o município de Maria da Fé. Contudo, só se têm efetivas notícias de uma efetiva colonização da região quando a fazenda Maria da Fé instala, junto à sede de seu estabelecimento, um povoado chamado Campos de Maria da Fé, por volta de 1815.

O nome do município tem duas possíveis origens: a primeira homenagearia uma mulher empreendedora e enérgica, que dirigia a fazenda e seus negócios. A outra seria a de uma jovem bonita, vinda com uma das bandeiras que cruzaram aquelas paragens e que teria se casado com o cacique Jiquitibá, por ter ele concordado em desvendar o segredo das minas de ouro da região para exploradores. Como esposa do cacique, ela teria feito erigir um grande cruzeiro de madeira, símbolo de sua fé, convertendo a tribo à religião cristã.

Por especial empenho de seus moradores mais influentes, o povoado passou a distrito e foi incorporado ao município de Cristina, em 27 de junho de 1859, com o nome de Maria da Fé. O município foi legalmente criado em 30 de agosto de 1911, desmembrando-se do município de Pedra Branca (hoje Pedralva), e instalado em 1º de junho de 1912, formando sua primeira Câmara Municipal.

De acordo com o Ministério da Justiça, o município de Maria da Fé registra um assassinato a cada meio século (50 anos). A delegacia da cidade não tem sequer cadeia. O policial nunca precisou sacar a arma para um criminoso.


Características Geográficas
Fauna e flora

Os tipos de árvores que mais se destacam no município são os eucaliptos, os pinheiros-do-paraná ou araucárias e os Pinus elliottii. Há ainda o muchoco, o manacá-da-serra, a quaresmeira, o ipê-amarelo, a capororoca, o araticum, a candeia, o cambuí, samambaias, fáfia, jerivá, araçá, cedro e angico. Em processo de extinção na região, há ainda o pinheiro-bravo. Matas ciliares (ou matas galerias) também estão presentes no município. São matas que acompanham os rios e riachos, importantes para manter as correntes de água e reduzir efeitos de erosão.

Mais detalhes sobre Maria da Fé

Consulte abaixo as categorias de produtos agrícolas divididas por estado

×

Para instalar o site no seu iPhone/iPad, pressione e depois Tela Inicial.