Publicidade

 Alimentos em Geral por estado

 Alimentos em Geral por cidade

Alimentos em Geral

Você está vendo Alimentos em Geral em União de Minas

Veja Também:
Notícias Agrícolas

Foram encontrados 0 anúncios de Alimentos em Geral na cidade de União de Minas em Minas Gerais.

Clique no menu ao lado para consultar Alimentos em Geral em outra região.
Minas Gerais
X
União de Minas
X
Anterior
Página 1 de 0
Proxima

Relação de preços de anúncios de vendedores de Alimentos em Geral em União de Minas/MG

Detalhes sobre a cidade de União de Minas

Por volta de 1923 vindos do Município de Campina Verde, chegavam ao local denominado “Casinhas” o Sr. Guilherme Simão Nunes, acompanhado de seus pais. Em meados do ano de 1939, casou-se com Maria Garcia Nunes, adquirindo logo em seguida uma gleba onde construiu a sede da fazenda, onde hoje é o Município de União de Minas.

Nesta época surgiram os primeiros comerciantes, moradores e o povoado foram crescendo, quando então recebeu seu primeiro nome “Porteirão”. Verificando as necessidades o senhor Guilherme, em 1953 construiu uma escola em sua propriedade, sendo a primeira professora a senhora Aparecida, esposa do Sr. José Caetano, político do local. No ano de 1960, resolveu fazer um loteamento, que foi aprovado sob a Lei 770 de 22 de outubro de 1969, surgindo assim a “Vila Porteirão”. Logo a pequena Vila passou a chamar-se “Bela Vista do Porteirão” pela ampla vista que o local oferecia. Por serem católicos doaram à Diocese de Uberaba meio alqueire para construção de uma capela, em homenagem a Nossa Senhora Aparecida. Daí em diante foram chegando várias famílias, entre eles o caminhoneiro e comerciante Sayd Yunes e o político Élcio de Souza, que também fez muito pela comunidade mudando a denominação de “Bela Vista do Porteirão” para “União”, o que ocasionou uma grande festa para arrecadação de fundos para prover o que faltava à comunidade, o que uniu todos os moradores dando origem ao nome “UNIÃO”.

O Distrito de União foi criado pela Lei nº 6769, de 13 de maio de 1976 e instalado sob o Decreto nº 18096, de 25 de setembro de 1976.

Nossa região sempre se destacou na política, sendo eleitos vários vereadores para trabalhar em prol de União, enquanto este ainda pertencia ao Município de Iturama:

Antônio de Freitas Borges, Guilherme Simão Nunes, Euclides Bernardes Severino, Ambrósio Lúcio Leal, Antonio Alves de Lima, Antonio Trindade das Neves, Élcio de Souza, José Leal de Sampaio, Onofre Severino da Silva, Antonio Guilherme Nunes, Roque Dias Ribeiro e João de Freitas Leal.

Em 22 de outubro de 1995, o maior sonho de toda a comunidade foi realizado: a Emancipação de União formando mais um Município do Estado de Minas Gerais, criado pela Lei 12030, de 21 de dezembro de 1995, passando a ser chamada de “União de Minas”.


Geografia

Sua população estimada em 2004 era de 4.913 habitantes. As informações populacionais foram baseadas nos censos demográficos realizados pelo IBGE (www.ibge.gov.br) nos anos de 1970, 1980, 1991 e 2000. Além disso, também é possível encontrar as estimativas dos anos de 2001, 2002 e 2003, somente para os municípios. A metodologia utilizada pelo IBGE em relação à população residente total, por sexo e situação de domicílio é referente aos moradores habituais em cada residência. O recenseamento dos moradores habituais do domicílio que estavam ausentes na data de referência é apresentado respeitando a presença inferior a 12 meses na residência em relação à data em que foi feito o recenseamento.

Já o cálculo para a Estimativa Populacional respeita uma série de equações estatística desenvolvidas pelo IBGE na década de 90 dispostas abaixo

Metodologia adotada nas estimativas populacionais municipais:

O modelo adotado para estimar os contingentes populacionais dos municípios brasileiros emprega metodologia desenvolvida pelos demógrafos Madeira e Simões, onde se observa a tendência de crescimento populacional do município, entre 2 Censos Demográficos consecutivos, em relação à mesma tendência de uma área geográfica hierarquicamente superior (área maior).

O método requer a existência de uma projeção populacional, que leve em consideração a evolução das componentes demográficas (fecundidade, mortalidade e migração), para uma área maior que o município, quer dizer, para a Unidade da Federação, Grande Região ou País. Desta forma, o modelo matemático desenvolvido estaria atrelado à dinâmica demográfica da área maior.

Mais detalhes sobre União de Minas

Consulte abaixo as categorias de produtos agrícolas divididas por estado