Publicidade

 Outras Fazendas por estado


Outras Fazendas na cidade de Belo Horizonte em Minas Gerais

Foram encontrados 4 anúncios de Outras Fazendas na cidade de Belo Horizonte em Minas Gerais.

Clique no menu ao lado para consultar Outras Fazendas em outra região.
Minas Gerais
X
Belo Horizonte
X

Fazenda com 500 hectares

Fazenda com 500 hectares com 90% de plantio de madeira Citriodora e 10% em grandis idade de 65 anos Fazenda em ótima localização 7 km do asfalto avaliação do hectare na região é $1...

Preço: R$ 10.000.000,00

Belo Horizonte/MG

Belíssima Área para: Compensação Ambiental, Sequestro de Carbono e Produção de Madeira

Belíssima Área para: Compensação Ambiental, Sequestro de Carbono e Produção de MadeiraLocalizado no estado do Pará -Brasil com Total de Área: 595.000 Mil Hectares Localizada às...

Preço: R$ 500.000.000,00

Belo Horizonte/MG

CONSORCIO

Crédito Rural / Consórcio Rural 

Preço: R$ 700.000,00

Belo Horizonte/MG

Compro propriedades com pedras preciosas

Compro imóveis com pedras preciosas não tenho valor máximo para comprar 

Preço: R$ 1.000.000.000,00

Belo Horizonte/MG
Anterior
Página 1 de 1
Proxima

Relação de preços de anúncios de vendedores de Outras Fazendas em Belo Horizonte/MG

Detalhes sobre a cidade de Belo Horizonte A fundação da capitalCapitão João Leite da Silva Ortiz, fundador de Curral del Rei.

Na imensa faixa de terras ao largo do Rio das Velhas assenhoradas pelo bandeirante Bartolomeu Bueno da Silva (mais tarde Anhanguera II), veio seu primo e futuro genro João Leite da Silva Ortiz à procura de ouro a ocupar em 1701 a Serra dos Congonhas (mais tarde Serra do Curral) e suas encostas, em que estabeleceu a Fazenda do Cercado, base do núcleo do Curral del Rei, onde desenvolveu uma pequena plantação e criou gado, com numerosa escravatura.[18] O povoamento aos poucos foi se firmando, de forma tal que em 1707 já aparecia citada em documentos oficiais. Em 1711, a carta de sesmaria é obtida por Ortiz, com a concessão da área que "começava do pé da Serra do Curral, até a Lagoinha, estrada que vai para os currais da Bahia, que será uma légua, e da dita estrada correndo para o rio das Velhas três léguas por encheio".[19] Conforme trecho da carta de sesmaria, à ortografia da época, concedida por Antônio Albuquerque Coelho de Carvalho:[20]

Faço saber aos q'. esta minha Carta de Sesmaria virem q', havendo respto. ao q'. por sua petição me enviou a dizer João Leyte da Silva, q'. ele suppte., em o ano passado de 1701 fabricou fazenda em as minas no distrito do Rio das Velhas em a paragem aonde chamão o Sercado, e na dita fazda. teve plantas e criações, de que sempre pagou dízimos e situou gado vacum, tudo em utelidade da fazenda real e conveniência dos minros. (…)— '

Ortiz dedicou-se especialmente ao plantio de roças, criação e negociação de gado, trabalhos de engenho e, provavelmente, a mineração de ouro nos córregos. O progresso da fazenda atraiu outros moradores e um arraial começou a se formar, tornando-se um dos pontos de concentração dos rebanhos transitados pelo registro das Abóboras, vindos do sertão da Bahia e do São Francisco para o abastecimento das zonas auríferas.[21]

Mais detalhes sobre Belo Horizonte

Consulte abaixo as categorias de produtos agrícolas divididas por estado