Publicidade

 Procuro/Compro por estado


Procuro/Compro na cidade de Governador Valadares em Minas Gerais

Foram encontrados 5 anúncios de Procuro/Compro na cidade de Governador Valadares em Minas Gerais.

Clique no menu ao lado para consultar Procuro/Compro em outra região.
Minas Gerais
X
Governador Valadares
X

Procuro Jazidas de Feldspato ( pedra, amorfo )

Somos mineradores, procuramos novas áreas para exploração do Feldspato.Entre em contato. Obrigado.

Preço: R$ 0,01

Governador Valadares/MG

Compro Abóbora japonesa (cabotian)

Compro abóbora japonesa cabotian.procuro preferencialmente no Leste de Minas.Valor e frete negociável,obrigada

Preço: R$ 0,60

Governador Valadares/MG

Compro Jazida de Caulim Branco

Procuro Jazida de Caulim, que esteja consolidada. Obrigado 

Preço: R$ 0,00

Governador Valadares/MG

Procuro sócio investidor para apicultura

Estou a procura de sócios para expandir meu negocio de apicultura, com retorno de aproximadamente 50% valor investido ao ano, se interessado mostrarei o trabalho com planilhas de s...

Preço: R$ 0,01

Governador Valadares/MG

Compro file de tilapia

compro file de tilapia congelado a granel tenho consumo de 500 kg por semana dependendo do combinado vou buscar

Preço: R$ 0,01

Governador Valadares/MG
Anterior
Página 1 de 1
Proxima

Relação de preços de anúncios de vendedores de Procuro/Compro em Governador Valadares/MG

Detalhes sobre a cidade de Governador Valadares

A atual cidade de Governador Valdares já possuiu vários nomes antes de chegar a sua atual nomeclatura. Foram alguns deles:

Arraial de Porto de Dom Manuel - 1734Porto das Canoas - 1808Santo Antônio da Figueira - 23 de setembro de 1888 - Lei ProvincialDistrito de Santo Antônio do Bonsucesso - pela Lei Estadual de 14 de setembro de 1889Figueira - 7 de setembro de 1923, pela Lei 843Figueira do Rio Doce - 1937 - Decreto do então governador Benedito Valadares

Seu atual nome foi decretado juntamente com sua emancipação, ocorrida em 30 de janeiro do ano de 1938, permanecendo "Governador Valadares" até os tempos atuais, em tributo ao governador Benedito Valadares. [9]


História
Colonização e desbravamento da região

O desbravamento de Governador Valadares e região inicia-se por volta do ano de 1573 quando Sebastião Fernandes Tourinho, partindo do litoral brasileiro, subiu pelo Rio Doce até alcançar a foz do Suaçuí Grande, com a finalidade de descobrir ouro e pedras preciosas. Os descobridores encontraram uma série de dificuldades, não só o rio, com seus bancos de areia dificultando a interiorização da bacia, como as impenetráveis florestas, e, mais ainda, a ferocidade dos índios botocudos. Com o objetivo de conter os constantes ataques dos silvícolas, instalou-se no Vale, no local conhecido como Porto de Dom Manuel, uma das seis Divisões Militares do Rio Doce, criadas pela Carta Régia de 13 de maio de 1808. [9]

Um dos primeiros povoados construídos na região foi de São Miguel e Almas de Guanhães, estabelecido em torno de uma capela erguida em 1811 nos terrenos de José Coelho da Rocha, Francisco de Souza Ferreira, Antônio de Oliveira Rosa, Faustino Xavier Caldeira e José de Oliveira Rosa. Posteriormente, foram aos poucos sendo criados os povoados de Ferros, Conceição do Mato Dentro, Paulistas e Peçanha, estando Figueira (atual Governador Valadares) subordinada a este último (atualmente ambos são municípios). [10] Em 1882, o povoado passou a distrito de paz com a denominação de Baguari e, em 1884, a distrito do município de Peçanha. [9]

Mais detalhes sobre Governador Valadares

Consulte abaixo as categorias de produtos agrícolas divididas por estado